Saiba Dizer Não – Piauí

16
249

Dizer não às drogas, à violência, ao suicídio, ao preconceito, ao racismo, ao bullying. Esse foi o objetivo do evento Saiba Dizer Não 2015, organizado pela FJU (Força Jovem Universal) do Piauí. Aproximadamente 25 mil pessoas que passaram pelo Parque Nova Potycabana, nesse Domingo (18/10), viram que é possível ser feliz sem as drogas, e alem disso, levar aos jovens o auxílio e a força para dizerem não aos problemas que surgem como obstáculo para uma sociedade menos egoísta e mais igualitária.

Destaque-SDN-Piaui2O evento começou às 18 horas com o pastor Marcos Gerro, responsável pela FJU Piauí, realizando uma oração em favor dos jovens presentes. Junto com uma multidão, todos levantaram as mãos para pedir a Deus pela paz na sociedade, devido ao preconceito que desune e rivaliza as classes. Também foi feita uma oração pelos jovens que se encontram sofrendo nos vícios, prostituição e com desejo de suicídio. Os voluntários do projeto estenderam as mãos para ajudar os jovens que vivem nessa situação.

Luiz Passos é um dos voluntários e afirma “O evento é uma oportunidade que os jovens têm de se manter longe das drogas e se conscientizarem sobre problemas como o bullying, o preconceito, o racismo. Há jovens que estão passando por uma ou mais dessas situações e nós procuramos resgatar eles com uma palavra de ânimo e fé, além de ter atividades que a FJU proporciona para ajudá-los.”

A galera chegava de várias partes do Estado com suas caravanas, sempre com bandeiras e cartazes nas mãos que diziam “Não” aos problemas que afligem a sociedade. Eles cantavam canções e mantinham sempre o sorriso no rosto. Voluntários também traziam ônibus com jovens das periferias que buscavam uma ajuda. O espaço público permitia, ainda, a visita de alguns curiosos que passeavam pelo parque, ou andando de patins e skate.

Confira o vídeo do Evento

A lua que brilhava intensamente no céu do Potycabana, porém, não brilhou tanto quanto os talentos que se apresentaram nessa noite. O balé solo apresentado por Mayara Cristina, o grupo “Balé Contemporâneo Universal”, os grupos de dança e hip hop, Team Work, Renascença, os “zumbis” de Buenos Aires, a banda Evolução Jovem, a cantora Rayana Lemos, dentre outros, abrilhantaram o palco do evento e agitaram o público.

O comando da Polícia Militar foi homenageado pelo deputado estadual, Gessivaldo Isaías, que também esteve presente no evento. Os comandantes subiram ao palco para receber das mãos do deputado uma placa homenageando a instituição pelo trabalho realizado no combate ao crime. O Bispo Luís Carlos, responsável pelo trabalho da igreja Universal no Piauí, também subiu ao palco para fazer uma oração pelos comandantes e abençoou os jovens desse estado.

16 COMENTÁRIOS

  1. O evento ficou marcado em toda juventude piauiense, foi um evento bem interativo onde todas as expectativas foram superadas, e pela feição de muitos que estão alí, estes gostaram demais, posso garantir.

  2. Com a criação desse site ,tudo ficou mas fácil ,em relação à notícias ,eventos,sobre tudo que está ocorrendo na Fju do Piauí, creio que através daqui muitas almas serão ganhas para o reino do Senhor Jesus!

  3. O Saiba Dizer Não 2015 Arrebentou aqui no Piauí, muitas Almas foram Salvas nesse Evento, agora estou na expectativa para o SDN agora em 2016!! Tamo junto e Misturado!!

  4. Eu estive la, foi um evento top, o melhor de todos, onde o objetivo com toda certeza foi alcançado, levar a consciência de dizer não a tudo que contraria a vontade de Deus.

  5. Muito bom! Nesse dia gostei muito dos grupos de dança e do Hip-hop, além disso, aprendi que pra ser feliz de verdade temos que saber dizer não ao preconceito, aos vícios, violência, ao bullying, ao suicídio, e tudo aquilo que faz mal a si próprio e a sociedade.

  6. O evento foi um marco na vida de muitos jovens, onde eles tiveram a oportunidade de perceber que dá sim para ser feliz e se divertir com os amigos sem o uso de qualquer tipo de droga. Onde eu mesmo comprovei isso ao conversar com três jovens no termino deste grande evento.

DEIXE UMA RESPOSTA