Futshow em Belém

0
102

Uma oportunidade de encontrar o caminho certo, após uma infância complicada, de experiências ruins, com a visão de um futuro lançado às desesperanças. Esse foi um dos grandes motivos pelo qual a Força Jovem Universal – Pará (FJU-PA) realizou mais um de seus eventos, mostrando aos jovens que através da fé inteligente e das oportunidades, aquilo que antes era tratado como um caso perdido, hoje passará a ser um exemplo de superação.

Como foi caso da jovem Ingrid Saldanha, que antes de conhecer a Deus na FJU, levava uma vida entregue à marginalidade, vícios e traumas devido aos abusos sexuais sofridos ainda na infância. Hoje Ingrid encontra-se livre das situações de risco e teve seu interior transformado.

O Futshow, realizado neste sábado (26), trouxe grandes atrações como as bandas NV Seven, Canta  Pra’God, Jovem Samba e apresentações de dança, peça teatral e do coral, realizadas pelos projetos culturais. Já através do projeto Esportes, tiveram apresentações de artes marciais e a tão esperada, partida de futebol, além de depoimentos de pessoas que mudaram de vida através dos ensinamentos aprendidos na FJU.

“Há 11 anos fui resgatado. Eu era usuário de drogas e hoje, através da FJU, tenho uma vida com Deus. O objetivo do projeto e desse evento é isso, resgatar os jovens que estão em situações de risco e desenvolver neles o talento, oferecendo várias modalidades esportivas pra eles escolherem as que se encaixam; além de realizar oficinas e campeonatos.” Comentou Rubens, coordenador do projeto Esportes no Pará.

O Pastor Antônio, coordenador da FJU no Pará, falou a respeito da importância da confiança em si mesmo.”Existem 2 vozes dentro de nós. Uma que diz que somos capazes de realizar nossos sonhos e outra que diz que somos incapazes. Qual será a mais forte, a voz da dúvida ou a da fé? A que for mais alimentada. Se você decidir ser mais forte, você vai vencer e ter uma história de superação, pois Deus será com você.”

A FJU não apenas acredita na juventude, mas através dos projetos, descobre talentos e ajuda no desenvolvimento espiritual, familiar e profissional dos jovens.

Por: Gisele Valadares

Dep. Jornalismo Mídia FJU-Pará

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA